sábado, 18 de fevereiro de 2012

Notícia

 Governo chinês aumenta pressão contra cristianismo na China


As autoridades chinesas reforçaram ainda mais a sua oposição contra o Cristianismo na China, segundo comentários de um influente grupo que defende os direitos humanos no mundo.
Em seu relatório anual, a China Aid Association (CAA) revelou números que demonstravam que houve um aumento drástico na perseguição realizada pela governo chinês contra os cristãos e contras as igrejas do país.
Essas estatísticas incluem um aumento de 131% no número de cristãos presos por praticarem sua fé dentro do país. “Essa tendência de agravamento da perseguição vem crescendo a seis anos”, segundo o relatório do CAA, que também acrescentou que não foram somente os cristãos os alvos de perseguição religiosa.
Segundo o relatório, o governo chinês quer criar uma atmosfera de terror dentro da população do país, criando leis e punições ainda mais rígidas para as pessoas que seguem uma fé que difere das crenças e permissões do Estado.
Umas das atuais “vítimas” do governo é o famoso caso da Igreja de Shouwang, que não foi autorizada a se reunir no local onde haviam alugado e por isso se reuniam em locais públicos. O impacto da atitude da igreja de Shouwang foi significativo para a sociedade. Muitos membros da igreja foram presos durante esse período.
Segundo relatos, as pessoas que são detidas sofrem torturas enquanto estão presas, o que gerou uma grande preocupação nas entidades que defendem os direitos humanos no país. Segundo a CAA, as torturas contra presos aumentaram 33% nos últimos seis anos.
Ore pelos cristãos chineses. Como apontam as pesquisas, a perseguição feita pelo governo do país tem aumentado muito, por isso eles têm sido constantemente presos. Ore para que Deus dê força para cada cristão que está enfrentando a prisão. Ore para que Deus dê paz para cada um deles.
Fonte: Portas Abertas Brasil


  Ore pelos cristãos perseguidos

  7 de março, Dia de Oração por Missões Mundiais

A Junta de Missões Mundiais (JMM) realizará no dia 07 de março um grande evento que mobilizará milhares de evangélicos e igrejas no Brasil. Serão 24 horas ininterruptas de oração em favor dos missionários que estão servindo em todo o mundo, em países e culturas com pouca ou nenhuma aceitação ao cristianismo.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
O movimento, intitulado “Dia de Oração por Missões Mundiais”, tem como objetivo interceder pela salvação de almas e por missionários que estão no campo. O fato, é que muitos deles enfrentam dificuldades, e por causa do evangelho, chegam a enfrentar situações de grande perigo, como aconteceu com o Pastor Bashuda, missionário na Ásia, que foi atacado a espadas por um grupo de radicais. Esta, assim como diversas outras situações mostram o quando é importante o apoio da igreja em oração.



Classificação de países por perseguição


CONFIRA A NOVA CLASSIFICAÇÃO DE PAÍSES POR PERSEGUIÇÃO!
Todos os anos, a Portas Abertas publica uma lista com os os 50 países mais opressores ao cristianismo. Em 2012, os cinco países onde é mais difícil viver como cristão são:
1. Coreia do Norte
2. Afeganistão
3. Arábia Saudita
4. Somália
5. Irã


 Assista esse vídeo:



A Portas Abertas desenvolveu a Classificação de países por perseguição com base em suas experiências de campo, pois precisava de algum padrão para comparar a situação da Igreja cristã em vários países. Por exemplo: como comparar a perseguição na China com a da Arábia Saudita? Esse padrão precisava ser o mais objetivo possível. E a Classificação tornou possível distinguir situações e delinear prioridades para ações e projetos. Esse é o valor fundamental do levantamento: uma forma de determinar onde a necessidade é mais urgente.

   Como a Classificação é formada

Ao chegar a um país, a Portas Abertas procura os cristãos locais e lhes pergunta como pode ajudá-los. Em 95% dos casos, esses cristãos pedem oração. O segundo pedido sempre é por Bíblias, materiais de estudo e treinamento.

Peguei essa reportagem no Portas Abertas

Nenhum comentário:

Postar um comentário